12ª Conferencia Latino-americana de Software Livre
Data e Local do Evento
14 a 16 de outubro de 2015 - Parque Tecnológico Itaipu - Foz do Iguaçu | Paraná | Brasil

Universidade Livre: Unesp apresenta caso de migração do sistema proprietário para o livre

  • latinoware_team

unesp

Considerada uma das instituições públicas que mais utiliza software livre no Brasil, a Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp) apresentou, durante a Latinoware 2015, como foi o processo de migração do sistema proprietário para o livre e, também, o trabalho de capacitação dos servidores da instituição para a utilização da nova plataforma.

Com o tema “Universidade Livre”, a palestra foi ministrada pelo analista de Tecnologia da Informação da Unesp, Douglas Vigliazzi. De acordo com ele, o objetivo era mostrar para todos como o software livre pode funcionar em uma instituição como a Unesp e, também, como o sistema pode beneficiar órgãos governamentais. A Universidade conta com cerca de 3,8 mil professores, 7 mil funcionários e 37 mil alunos.

Foi no fim dos anos 90, mais precisamente em 1999, que a Unesp passou a operar com software livre. Entre os motivos relatados pelo analista estão a confiabilidade, a redução de custos, a fexibilidade e o domínio que o sistema oferece. Segundo a Unesp, até o final de 2018 todos os laboratórios didátios terão seus sistemas operacionais substituídos pelo GNU/Linux.

Antes da migração, cada servidor da Universidade passou por uma capacitação, para conhecer o sistema, o que tornou o processo tranquilo e bem aceito pela comunidade acadêmica, segundo Vigliazzi. Ele também destacou que os alunos já aprendem a estudar e a elaborar os trabalhos universitários com os programas livres.

Douglas Vigliazzi trabalha com o software livre desde 1998. É certificado pela LibreOffice, para Migração e Treinamento, e membro do Fórum de Software Livre da Unesp.

Os comentários estão desativados.

Apoio

logo_ifpr_foz2Protejaseusfilhosnic.cgiCoaltiudcanglojornallogo UTFPRlogo001